sexta-feira, 18 de abril de 2008

Mataram um anjo!

Mataram um anjo!
Todos ficamos chocados com o que aconteceu com a pequena Isabella. Muito triste!
Uma pequena com tanta vida ainda pela frente que terminou de maneira tão estupida...
Mas fico triste também em ver como a imprensa tem tratado o caso. Puro sensacionalismo!
Matéria para vender jornais, dar audiência...
Quantas Isabellas morrem sem que se quer tomemos conhecimento...
Penso naquelas Isabellas, que em nome dos direitos das mães, são lançadas pelas janelas, tiradas do corpo das mães, sem ao menos terem a chance de gritar...E sem ninguém que grite por elas...
Pequenos seres, que por ainda não terem um nome, mas que já tem um coração, são esquartejados e retirados de sua morada.
Ninguém grita por eles!
Clamam por justiça pela pequena Isabella, e tem mesmo que se fazer justiça, mas não só por ela, por tantas outras que não sabemos o nome, que não viraram machete, que não dão Ibope...
Crianças que não tiveram a oportunidade de dizer: mamãe...
Que não tiveram a oportunidade de sentir um abraço, que nunca brincaram, que nunca foram amadas...
Que por não terem voz, também não tiveram vez...
Será que existe diferença entre a criança que já nasceu e a que ainda está sendo gerada?
Será que em ambas não bate um coração?
Será que em ambas não existe um "Ser superior" que as criou, que desejou que elas nascessem?
Vamos gritar por justiça, mas não apenas pela Isabella, mas por todas as crianças, inclusive aquelas que não se ouviu o grito...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

... Seguidores